O sexo oral é uma prática sexual pouco praticada pelos brasileiros, é realizada com a boca e língua no clitóris, pênis e ânus. Esta prática é a que mais favorece o orgasmo feminino, mas desde que a mulher aceite e sinta-se bem emocionalmente e fisicamente ao ser estimulada nesta região.

Algumas pessoas não gostam de fazer e de receber, sentem nojo ou desconhecem a importância destes estímulos para a excitação e prazer, principalmente no clitóris da mulher.

O clitóris é um órgão sexual externo, embora esteja localizado no interior da vulva e possui mais ou menos 10 centímetros de comprimento, apenas a sua ponta fica exposta. Ele é formado por tecido erétil que incha e se enche de sangue, tornando-se rígido, e aumenta de tamanho quando excitado através do toque.

Atualmente pesquisadores relatam que todo o orgasmo da mulher, mesmo com penetração vaginal do pênis, vem pelo estímulo no clitóris.

Para facilitar o orgasmo é necessário que esta região esteja saudável na inervação e circulação, deste modo aumentará a sensibilidade local e facilitará o orgasmo. Isto porque o corpo do clitóris é formado por músculos que compõem o assoalho pélvico, que são os músculos bulbocavernoso e o isquiocavernoso, este último cobre e insere-se nele e mantém sua ereção durante a excitação feminina. Então se estes músculos estão saudáveis o clitóris estará mais sensível e haverá aumento na intensidade do prazer com estímulos locais.

O clitóris tem tamanho diferente de mulher para mulher, e quando ele está atrofiado, ou seja diminuído e encurtado, ele dificulta ou reduz a intensidade do orgasmo. Nestes casos é muito indicado o estímulo prévio para melhorar a circulação e inervação local com o objetivo de facilitar o orgasmo com o companheiro (a).

Mulheres com alterações hormonais apresentam grandes chances de ter o clitóris atrofiado.

Toda mulher tem a capacidade de ter orgasmo quando estimulada corretamente no clitóris.

 Como facilitar a obtenção do orgasmo através do clitóris?

Para alcançar o orgasmo é necessário algumas atitudes pelas mulheres, como:

1- Conhecer o próprio corpo e sentir prazer sozinha ao tocá-lo, pois assim saberá induzir o parceiro ao estímulo correto e como lhe agrada;

2- Precisa estimular a região com exercícios, vibradores, bombas de sucção, geis que mudam a temperatura e massagem com os dedos para melhorar a sensibilidade local, assim o orgasmo com o parceiro será facilitado e intensificado;

3- Ter uma musculatura íntima saudável, pois os músculos do assoalho pélvico formam a base deste. Se os músculos estiverem saudáveis haverá melhor circulação e inervação local;

4- Estar bem emocionalmente, envolvida com a prática sexual e excitada;

5- Dialogar com o parceiro (a). É importante que a mulher conte suas preferências e desagrados, e jamais fingir orgasmo quando não o teve.                                

Atitudes pelos homens:

  • Manter o relacionamento com respeito e não “induzir” a mulher a realizar relação sexual para seu agrado;
  • Aprender aonde está o clitóris e como a mulher gosta de ser tocada;
  • A mulher deve estar excitada antes de ter penetração, por isso é importante estimular de modo prazeroso o clitóris durante as preliminares;
  • Evite causar dor ou desconforto na mulher durante a intimidade;
  • Converse sobre sexo com a mulher.

Possuímos diversos produtos para proporcionar um sexo oral gostoso e prazeroso, são produtos que resfriam ou esquentam, são géis e lubrificantes que contribuem no prazer delas neste momento. Conheça nosso site: http://www.pimentinhasexshop.com.br

FONTE: https://www.abeme.com.br/

 

Faça um comentário