dia-do-orgasmo-31-de-julho

O Dia do Orgasmo é um feriado que comemora o clímax sexual, sendo comemorado em 31 de julho em vários países pelo mundo, da mesma forma ocorre no Brasil.

No dia 31 de julho é comemorado o Dia do Orgasmo. E quer jeito melhor de celebrar este momento que embora indescritível por muitos, é considerado um momento mágico, do que conhecendo 15 fatos interessantes sobre o orgasmo.

clímax-sexual

Alguns dos fatos interessantes que vamos mencionar foram descobertos durante uma pesquisa de sexo feita por uma empresa de preservativos, foram mais de 5 mil pessoas entrevistadas, dentre eles, a faixa etária era de 18 a 34 anos. Os participantes da pesquisa responderam diversas perguntas sobre suas vidas sexuais atualmente.

Para começar, já quer ficar por dentro de uma das melhores descobertas desse estudo? Finalmente, a diferença de orgasmo entre homens e mulheres está diminuindo. É provável que esteja relacionada à mudança de atitudes sobre a sexualidade feminina e menor preconceito e fobia de certas atividades e posições sexuais.

Esta é uma notícia fantástica, não somente porque orgasmos são maravilhosos, mas porque há diversos benefícios “escondidos”. Uma vez que orgasmos podem melhorar nossa saúde, fortalecer nossas funções cerebrais, nos fazendo mais felizes. Está vendo? o Orgasmo claramente merece seu próprio dia de reconhecimento.

Mas não importa o que faça – Não celebre o Dia do Orgasmo fingindo chegar ao ápice do prazer. Nós chegamos muito longe para não ser honesto sobre nossa sexualidade e direito de alcançar o prazer e à expressão sexual. Então celebre este dia se lembrando que nem sempre é fácil chegar ao orgasmo nem sempre é fácil, por isso não se martirize se não acontecer às vezes. Simplesmente curta o momento.

1. Recentemente, as mulheres jovens relatam alcançar o orgasmo mais do que nunca

Embora seja estatística e fisiologicamente mais difícil para a mulher alcançar o orgasmo. A pesquisa de sexo realizada demonstrou uma queda da diferença de orgasmos entre homens e mulheres. De fato, a maioria das mulheres que responderam a entrevista (certa de 90%) disseram que geralmente chegam ao clímax sexual.

2. As jovens não têm medo de usar uma ajudinha extra para alcançar o ápice sexual

Sabe quem são responsáveis pela diminuição da diferença entre o orgasmo feminino e masculino? Os principais “ajudantes” relatados pelas mulheres são os produtinhos de sex shop, tais como lubrificantes, vibradores e brinquedos sexuais não são mais tabus nas relações a dois ou a sós, e comprovadamente todos eles tornam o sexo ainda mais prazeroso. De fato, mais de 25% dos entrevistados disseram que utilizam vibradores com frequência, e mais de 40% afirmam que lubrificantes fazem parte da rotina sexual.

3. Em francês, o orgasmo é conhecido como “a pequena morte”

La petite mort, ou “a pequena morte”, é uma expressão utilizada pelos franceses há séculos, apesar de parecer algo novo. Talvez seja porque durante o orgasmo, nossos corpos, por um breve momento, parecem estar transcendendo o paraíso, daí vem esse apelido.

sexo-alivia-stress

4. Orgasmos alivia o estresse

Em primeiro lugar, alguns psicólogos chegam a prescrever o sexo com uma forma de manter o controle do estresse. Uma vez que os orgasmos afetam a saúde física e mental de forma muito positiva. O clímax sexual melhora o humor ajudando a diminuir a pressão arterial e liberar a tensão. Isso ocorre, pois durante o orgasmo, o hipotálamo de nosso cérebro libera a substância química chamada oxitocina, que também é conhecida como hormônio do carinho, já que literalmente faz com que você se sinta “quente e confuso”. Quanto mais relaxado você está, menos tensão em seu corpo e ajuda até no sono.

5.  O orgasmo ajuda a diminuir cólicas menstruais, e pode até mesmo encurtar seus períodos menstruais

O clímax sexual faz com que os músculos dentro e ao redor do seu útero se contraiam, o que ajuda a diminuir as cólicas menstruais. Bem como, se você usa a tabelinha para ter sexo de período, os orgasmos para algumas pessoas encurtam o período menstrual.

6. Existe um arquivo virtual de sons reais de orgasmos que você pode ouvir e até enviar os seus.

O site e projeto de arte Orgasm Library of Real Sounds tem como objetivo desafiar noções masculinas de sexualidade feminina e prazer. Em síntese, ensina às pessoas como “o prazer feminino realmente soa, ouvindo orgasmos gravados por mulheres como você, que estão dispostas a remover o tabus impostos pela sociedade e por nós mesmos”.

7.  O clitóris é o rei do orgasmo para muitas mulheres

70% das mulheres entrevistadas atingem o orgasmo através de estimulação clitoriana direta, e não pela penetração vaginal.

8. Eles podem regular seu ciclo menstrual

Quando uma mulher alcança o orgasmo, isso faz com que o sangue flua por sua região pélvica. Dessa forma, as mulheres que experimentam orgasmos frequentemente, têm maior probabilidade de ter ciclos menstruais regulados de 28 dias.

9. Ter um orgasmo antes de dormir pode ajudar com a insônia

Além de todos os outros hormônios e substâncias que são liberados pelo seu corpo durante o orgasmo. Ao mesmo tempo, ele também libera endorfinas que atuam como sedativos. Inclusive há um estudo da sexóloga e autora americana Beverly Whipple, onde relata que 32% das mulheres com problemas de insônia usam masturbação como ajuda para dormir.

10. Eles mantêm sua memória e cérebros afiados

Quanto mais você chega ao orgasmo, mais o seu corpo libera uma substância química chamada sesidroepiandrosterona (DHEA), que é a mesma substância química que melhora a função cerebral e a memória.

11. Durante um orgasmo, você se sente invulnerável

Na Universidade de Groningen na Holanda, os cientistas descobriram que a amígdala (região do cérebro responsável por sentir medo) mal era ativa, ou até mesmo completamente inativa, em mulheres que experimentavam o orgasmo.

12. Orgasmos são uma cura natural para dor de cabeça e enxaqueca

Um estudo da Universidade de Münster na Alemanha, observou que, de fato, houve uma melhora em 60% de seus pacientes com dor de cabeça crônica, quando eles usaram o sexo como um tratamento natural para combater as dores, comparados aos pacientes que não praticavam.

hedy-lammar-dia-do-orgasmo

13. Atriz Hedy Lamarr, que também contribuiu na invenção do WI-FI, fez o primeiro orgasmo feminino fora dos filmes pornográficos.

O filme checo de 1933, chamado Ecstasy, é estrelado por Hedy Lamarr, de 18 anos. Cuja personagem Eva, tem um orgasmo apaixonado na tela. Em resumo, esta foi a primeira demonstração explícita da sexualidade feminina em filmes convencionais.

14. Mulheres durante a penetração sexual atingem o orgasmo com mais frequência quando ficam por cima

Uma pesquisa realizada pela Glow, descobriu que mais de 40 por cento das mulheres disseram que atingiram o clímax quando por cima de seu parceiro. Sobretudo, essa foi a maior porcentagem verificada em todas as posições.

15. Obviamente ter orgasmos é ótimo! Mas ainda assim, o sexo pode ser muito prazeroso sem eles

Nunca se sinta mal (e também não deixe que seu parceiro te faça sentir) se você não conseguir atingir o orgasmo todas as vezes, ou mesmo quase nunca. Pois leva muitos anos de prática sexual para aprender como chegar no orgasmo. E mesmo sem ele, o sexo ainda é uma jornada incrivelmente divertida e íntima, independentemente de onde você termina. Descobrir como os orgasmos funcionam para o seu corpo não deve ser estressante – mas divertido. E se precisar de uma ajudinha extra, procure por afrodisíacos, como a Maca Peruana. Não vai se arrepender!

E agora que você já conheceu várias novidades, que tal pegar essas dicas e aplicar? Tem alguma dica que gostaria de incluir na lista? Aproveite esse sentimento e tenha um emocionante Dia do Orgasmo!


Gostou da matéria? Deseja saber mais sobre produtos eróticos e como comprá-los, visite nosso blog ou loja virtual:
https://www.pimentinhasexshop.com.br ou pelos Whatsapps (22) 99754-5124 e (21) 96746-6451

#diadoorgasmo #climaxsexual #apicedosexo #orgasmo #31dejulho #pimentinhasexshop #sexshop #produtoseroticos #sexy #araruama #regiaodoslagos #cabofrio #buzios #arraialdocabo #saquarema #niteroi #riodejaneiro

2 Comentários



Faça um comentário